5 Dicas para ter cabelos fortes depois da quimioterapia

 em Câncer

A maioria das pessoas que passam pelo tratamento de quimioterapia tem queda de cabelo – ou alopecia. Isso acontece porque a quimioterapia atinge as células que se multiplicam com maior frequência, como as do cabelo. Geralmente, o cabelo começa a cair após a terceira sessão, em tufos ou em pequenas quantidades.

Nem todo mundo que faz quimioterapia passa pelo efeito colateral da queda de cabelo, isso vai variar de acordo com o tipo do medicamento e das reações de cada organismo. Entretanto, o importante é encarar o problema de frente e, caso o cabelo caia, ter em mente que ele voltará a crescer e com mais brilho e vida.

Dicas para ter cabelos fortes depois da quimioterapia

O cabelo de quem faz quimioterapia voltar a crescer em torno de 40 dias depois do término do tratamento. Para proteger o couro cabeludo, é fundamental utilizar protetor solar, além dos conhecidos lenços e chapéus.

O travesseiro ideal para quem está careca há pouco tempo e com a pele sensível é o de cetim, uma vez que o algodão pode irritar o couro cabeludo e o cetim, além de gerar menos fricção, oferece mais conforto à paciente.

Há diversas soluções para auxiliar o crescimento natural do cabelo depois de terminar o tratamento de quimioterapia. Se você está ansiosa para ver seu cabelo começar a crescer, leia abaixo cinco dicas básicas para ter cabelos fortes depois do tratamento, sem precisar tomar vitaminas específicas:

Leia também:

Boca seca e câncer: entenda a relação

Clique aqui

1 Alimentação saudável

A alimentação diária balanceada fornece os nutrientes necessários não só para a saúde e crescimento do cabelo, mas para a recuperação e fortalecimento de todo o corpo humano. Por isso, procure incluir mais vegetais e alimentos integrais nas suas refeições, além de evitar gorduras e comidas de difícil digestão. Lembre-se sempre também de beber bastante água para hidratar a pele e o couro cabeludo.

2 Hidratação do cabelo

A hidratação capilar regular auxilia no fortalecimento do cabelo e melhora a textura deste, bem como hidrata o couro cabeludo. Hidratar o novo cabelo uma vez por semana já é uma boa freqüência para que ele venha com força total.

3 Sem química capilar

Utilizar produtos químicos no cabelo pode machucar o couro cabeludo e deixar a estrutura dos novos fios fraca. Evite usar tinturas e produtos de alisamento no período em que o cabelo estiver crescendo, pois ele estará mais sensível.

4 Exercícios físicos

A prática regular de atividade física ajuda a fortalecer todo o organismo que está se recuperando do tratamento de quimioterapia e acelera a circulação do sangue, o que ajuda também no crescimento do cabelo. Recomece suas atividades aos poucos, como por curtas caminhadas durante o dia.

5 Sem estresse

O estresse é uma das causas mais conhecidas da queda de cabelo, por isso, se você quer ter seu cabelo de volta o mais breve possível, evitar situações estressantes é muito importante para ajudar no crescimento e fortalecimento dos novos fios.

Vale ressaltar que, naturalmente, o cabelo precisa de tempo para crescer. Portanto, ter paciência é essencial, além de ajudar no processo de crescimento. Compartilhe essas dicas com alguma conhecida que esteja passando por essa situação e ajude-a esperar pelos novos fios sem químicas ou medicamentos.

Meta: A quimioterapia provoca alguns efeitos colaterais, como a queda de cabelo. Nem todo mundo que faz o tratamento passa por isso. Entretanto, se você teve queda de cabelo, leia este post e veja algumas dicas para que ele cresça saudável.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar