Doença de Crohn: tudo que você precisa saber!

 em Dia a dia

Transtorno crônico que inflama o revestimento do intestino. Leia neste artigo tudo que você precisa saber sobre a doença de Crohn!

A doença de Crohn atinge principalmente a parte inferior do intestino delgado. Porém afeta todo o sistema digestivo. As inflamações que a condição causa afetam todas as camadas dos tecidos intestinais e até a boca.

Seu diagnóstico é difícil e demorado pela remissão de sintomas que a doença causa. Eles podem aparecer e desaparecer com frequência, levando o paciente a pensar que foi apenas um desconforto momentâneo.

Possíveis causas e grupo de risco

Apesar dos estudos desenvolvidos sobre a condição, a causa da doença de Crohn ainda é desconhecida. Alguns fatores são apontados como os possíveis gatilhos: a baixa imunidade é o principal deles. Ser diabético e fatores genéticos também estão ligados a condição.

No grupo de risco estão mulheres e homens, entre 20 e 40 anos. Na maioria dos casos esses pacientes já tem alguém na família com a doença. Fumantes tem maior incidência.

Sintomas da doença de Crohn

Os sintomas podem varias sua incidência de acordo com o estágio da doença e com a ingestão de certos alimentos. Como leite e derivados, picantes, refrigerantes e gordurosos.

Veja os principais sintomas da doença:

  • Diarréia com muco ou sangue;
  • Cólicas frequentes;
  • Enjoos e vômitos;
  • Alterações no peso;
  • Alterações de apetite;
  • Dor nas articulações;
  • Lesões na pele;
  • Fadiga;
  • Estado febril frequente;
  • Pedras nos rins;
  • Inflamações nos olhos;
  • Hemorróidas ou fissuras anais;
  • Abcessos anais;
  • Vontade urgente de defecar após comer.

Doença de Crohn tem cura?

Não, a cura para a doença ainda não foi descoberta. Os tratamentos devem ser feitos para aliviar os sintomas, conferir uma melhor qualidade de vida ao paciente e retardar o agravamento da doença.

Tratamentos indicados

O tratamento é indicado de acordo com cada paciente e seu grau da doença. Ela pode ser classificada como leve, moderada e grave. Na maioria dos casos o tratamento consiste em aliviar os sintomas e uma dieta restrita que não piore o quadro. Pacientes com Crohn em estágio grave tem que fazer uso de medicação via oral.

Quando o corpo do paciente não responde bem ao tratamento podem ser usados remédios imunossupressores. Em caso de obstrução intestinal completa, doença perineal e fístulas graves pode ser necessária intervenções cirúrgicas.

As especialidades médicas que tratam dos pacientes com Crohn são os clínicos gerais, gastroenterologista, coloproctologista e cirurgião geral. Com mais de 150 mil casos por ano apenas no Brasil, a doença de Crohn tem muitos especialistas disponíveis no mercado.

Pequenas ações que ajudam no tratamento

  • Parar de fumar;
  • Praticar atividades físicas leves ou moderadas;
  • Seguir uma dieta livre de alimentos de difícil digestão;
  • Manter o peso ideal para a sua altura;
  • Evitar situações de muito estresse ou ansiedade;
  • Cortar o consumo de alimentos muito gordurosos;
  • Reduzir o consumo de alimentos ricos em fibras;
  • Realizar acompanhamento a cada 6 meses com um nutricionista e/ou endocrinologista;
  • Estar sempre atento ao aspecto das fezes e realizar anotações;
  • Fazer acompanhamento frequente com os médicos e contatar a qualquer alteração;

Conhece alguém que sofre com a doença de Crohn? Compartilhe esse post nas suas redes sociais ou marque esse amigo aqui nos comentários!

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

língua ardendo que pode ser sintomas associados e tratamentosDoença de Besnier Boeck tudo que você precisa saber