fbpx

Doenças autoimunes podem afetar a sua saúde bucal? Descubra aqui!

 em Boca seca

As doenças autoimunes são causadas por conta das reações do sistema imunológico em relação aos nossos tecidos e órgãos.

E embora existam tratamentos para cada uma delas, ainda não se existe uma forma de estar totalmente curado.

As doenças autoimunes também são responsáveis pelo aparecimento de problemas na cavidade oral e, pensando nisso, preparamos este artigo para te explicar melhor sobre o assunto.

Quer saber mais? Continue a leitura.

Quais as doenças autoimune que afetam a saúde bucal e por que isso costuma acontecer?

As doenças autoimunes como a Doença de Crohn, o Lúpus (seja na sua forma sistêmica ou cutânea), a Psoríase e a Síndrome de Sjögren são as que mais afetam a saúde bucal de seus portadores.

Porém, as pessoas que são portadoras de doenças de origem imunológica também estão propensas a adquirir problemas na cavidade bucal.

Os sintomas mais recorrentes são: xerostomia (boca seca), queimação dos lábios, língua rígida, crescimento da gengiva de maneira excessiva, maior risco de aparecimento de cáries e doenças periodontais.

Além disso, é muito comum que muitas dessas doenças autoimunes apresentem os mesmo sintomas, como tonturas, fadiga e febre baixa, por exemplo.

Outro fator que deve ser levado em consideração no aparecimento dos sintomas é a hereditariedade e as questões hormonais.

As alterações nos hormônios podem fazer com que os sintomas sejam diferentes dos citados anteriormente e, por conta disso, aparecem algumas manifestações bucais em algumas doenças autoimunes.

As doenças autoimununes como a Doença de Crohn, o Lúpus e a Psoríase afetam diretamente a boca

De todas as doenças autoimunes que costumam afetar a cavidade oral, a Doença de Crohn é a que envolve todo o trato gastrointestinal.

As alterações bucais, como inchaço na gengiva e nos lábios e úlceras na boca, são os principais sintomas que os pacientes apresentam. Tudo isso desencadeia em grande dificuldade para se alimentar.

Já no caso da Psoríase, que é uma das doenças autoimunes que afeta a pele, tem como sintoma principal o aparecimento de placas brancas e descamativas no cotovelo, couro cabeludo e joelhos.

E, embora esta não seja uma doença que afete diretamente a cavidade oral, podem ocorrer também lesões nos lábios, na língua, gengiva e palato.

O lúpus, na sua forma sistêmica, afeta a cavidade bucal por conta do aparecimento de úlceras que podem ser, ou não, assintomáticas.

A Síndrome de Sjögren pode afetar a saliva

Conhecida como uma das doenças autoimunes mais comuns ao redor do mundo, esta síndrome está diretamente associada à artrite reumatoide.

Esta doença ataca as glândulas e como consequência, causa secura dos olhos, da boca e faz com que a saliva fique mais espessa e espumosa.

Além disso, as outras alterações na cavidade bucal são: aparecimento de cáries, halitose, alteração no paladar, dificuldade para deglutir, sensibilidade na mucosa e dificuldade para utilizar próteses dentárias, quando for o caso.

Para realizar o diagnóstico desta doença é necessário realizar uma sialomentria, que é um teste que determina como está o seu fluxo salivar.

A grande maioria dos pacientes portadores dessa síndrome apresentam uma infecção fúngica na cavidade bucal, conhecida como candidíase.

E, durante o tratamento, para minimizar os efeitos desta doença os profissionais indicam que os pacientes realizem visitas frequentes ao dentista e recomendam também uma boa higiene bucal.

A Fibrose Cística, também conhecida como a Doença do Beijo Salgado

Esta também é uma das doenças autoimunes que causam problemas na cavidade bucal.

A Fibrose Cística é caracterizada pelo transtorno raro que pode acarretar em um risco de vida que poderá comprometer os pulmões e o sistema digestório.

Isso ocorre porque a doença afeta as células produtoras de muco, sucos digestivos e suor, fazendo com que todas essas secreções tornem-se pegajosas e espessas, aderindo-se aos dutos e às passagens.

Desta forma, as alterações das funções glandulares poderá comprometer o bom funcionamento da cavidade oral e isso poderá afetar a saúde de um modo geral.

A nossa boca funciona como uma espécie de reservatório microbiano para as infecções pulmonares de origem crônica.

Outras doenças autoimunes que podem afetar a saúde bucal

Além de todas as doenças autoimunes citadas anteriormente neste artigo, algumas outras doenças autoimunes como a Diabetes Tipo 1, Doença de Addinson e Esclerose Múltipla também poderão desencadear em problemas na cavidade bucal.

Desta forma, é muito importante entender todas as implicações de cada uma das doenças autoimunes e assim, conversar com o seu dentista para que a melhor decisão seja tomada na hora de realizar o seu tratamento.

É muito importante que o dentista discuta todos os procedimentos a serem realizados no tratamento das complicações bucais causadas pelas doenças autoimunes para que o mesmo realize todos os passos da maneira correta e preze pela saúde bucal.

Para aliviar os sintomas da boca seca, conheça a linha de produtos bioXtra. Nossos produtos são desenvolvidos para cuidar e refrescar bocas secas e sensíveis.

Desculpa! O autor ainda não preencheu seu perfil.
Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar