fbpx

Síndrome da mão alienígena: o que é, causas e tratamento!

 em Dia a dia, Notícia

Doença rara que normalmente é desenvolvida ao longo da vida. Entenda neste artigo o que é a síndrome da mão alienígena, causas e tratamento indicado!

Conhecida também como síndrome da mão estranha, alheia, ou síndrome do Dr Fantástico, a condição da mão alienígena é considerada rara e por definição um distúrbio neurológico em que a mão do paciente parece ter vida própria. 

Descrita pela primeira vez em 1908 pelo neurologista e psiquiatra alemão Dr Kurt Goldstein, entendeu os sintomas da síndrome como uma apraxia e uma sensação estranha entre o paciente e a mão. Anos após, em 1972, Jedynak e Brion de fato denominaram a condição como mão alienígena. Porém, só em 1982 ela foi considerada um conjunto de sintomas e sinais sem relação neuroanatômica por acontecer em diversas regiões do cérebro.

Dentro do grupo de risco da condição estão pessoas que passaram por cirurgias de separação ou ressecção de parte dos hemisférios do cérebro, casos extremos de epilepsia, casos anteriores de AVC (acidente vascular cerebral). Basicamente diversos procedimentos cirúrgicos cerebrais ou infecções na região podem causar a síndrome da mão alheia. 

Sintomas da mão alienígena

A incapacidade de controlar a própria mão é o sintoma mais comum e frequente. O membro age de forma independente, podendo realizar tarefas, se mover involuntariamente, sem nenhum tipo de controle consciente. 

As ações mais comuns da mão alienígena costumam ser:

  • Tocar o rosto do portador;
  • Levitar;
  • Pegar objetos;
  • Bater em uma superfície;
  • Abotoar ou desabotoar camisas;
  • Abrir ou fechar portas e gavetas.

É comum que pacientes com a síndrome da mão alienígena sintam que a própria mão não pertence a eles e está totalmente em desarmonia com o resto do corpo, como um intruso. A mão age como se tivesse uma mente própria.

Cura da síndrome da mão alienígena

Apesar dos estudos feitos em torno da condição, ainda não foi encontrada a cura total ou tratamentos que eliminem totalmente os sintomas. O trabalho dos pesquisadores atualmente é desenvolver tratamentos que reduzam os sintomas para melhorar a qualidade de vida do paciente.

Pacientes que desenvolveram a doença após um AVC ou doença cerebral tem chances de se recuperar após um tempo e se verem livres da doença. Em casos de pacientes com doenças neurodegenerativas associadas a condição, a recuperação é mais lenta e na maioria dos casos mal sucedida.

Tratamento para síndrome da mão alienígena

Agentes bloqueadores neuromusculares e uso de botox podem ser uma boa pedida para tentar controlar a musculatura do local com maior facilidade. Medicamentos podem ser receitados, porém, sempre atrelados a técnicas comportamentais, o que amplia os resultados benéficos ao paciente. 

Terapias cognitivas e comportamentais de tarefa de aprendizagem ajudam no tratamento. A terapia de caixa de espelho, pode ajudar também pacientes com a Síndrome do Túnel do Carpo, e consiste no uso de um espelho com suporte para tentar modificar sinapses cerebrais. Alguns médicos recomendam que o paciente tenha o costume de segurar um objeto inofensivo nas mãos para impedir que ela execute tarefas inapropriadas. 

Já conhecia a Síndrome da Mão Alienígena? Compartilhe este artigo com seus amigos nas redes sociais e ajude na conscientização da doença!

Desculpa! O autor ainda não preencheu seu perfil.
Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

vasculiteendometriose