fbpx

Tudo que você precisa saber sobre lúpus eritematoso sistêmico

 em Causas, Dia a dia, Tratamento

Doença rara que afeta diretamente na saúde do paciente. Entenda neste artigo o que é lúpus, as principais causas, sintomas e tratamentos!

O lúpus eritematoso sistêmico é uma doença autoimune grave que afeta todo o corpo com suas consequências. Apesar de prejudicar todos os órgãos, os sintomas mais debilitantes costumam ser nas articulações, rins, pele e cérebro.

Uma das doenças autoimunes mais comuns, o lúpus pode ter um diagnóstico difícil e demorado pelas manifestações clínicas confusas. A doença conta com diversos tratamentos disponíveis para melhorar a qualidade de vida do paciente, porém, não existe cura.

Doenças autoimunes são consideradas graves pois tem como premissa atacar e destruir, por engano, os tecidos saudáveis do corpo. Além de prejudicar o sistema imune como um todo deixando o corpo desprotegido de outras doenças que possam atacar. Essa ação gera inflamações sérias nos tecidos destruídos.

Grupo de risco

Mais comum em mulheres, estima-se que atualmente no Brasil existam 65.000 casos de lúpus eritematoso sistêmico. A ocorrência do LES é mais comuns em algumas etnias como: asiáticas, hispânicas e afro-americanas. Quanto a idade, a grande parte dos diagnósticos é feita em pacientes entre 15 a 40 anos.

Principais causas

Pouco se sabe quanto as causas da doença, porém, estudos demonstram que a junção de diversas situações como influência do meio ambiente e genética familiar podem ter como resultado o lúpus eritematoso sistêmico.

Algumas das possíveis causas apontadas pelos estudiosos são:

  • Uso de medicamentos: remédios usados no controle da pressão alta ou das crises de convulsões podem ser fatores causadores da doença. Em alguns casos, quando o uso é suspenso, os sintomas do LES desaparecem.
  • Exposição ao sol: para aqueles que já contam com grandes chances genéticas de desenvolverem o problema. A luz solar pode desenvolver inflamações que podem vir a desenvolver o lúpus.
  • Infecções: algumas infecções podem dar início a doença.

Pacientes com predisposição genética a doença podem desenvolvê-la mesmo sem nenhuma influência citada acima. 

Sintomas do lúpus eritematoso sistêmico

A incidência e a gravidade dos sintomas dependem de como a doença afeta aquele paciente em específico. Na grande maioria dos casos, os sintomas costumam se aflorar durante as crises da doença e se manter leves ou moderados durante um tempo. Existem casos que fora as crises, os pacientes não costumam sentir incômodo algum. Os principais sintomas são:

  • Dor de cabeça;
  • Febre;
  • Dor nas articulações;
  • Cansaço;
  • Inchaços e rigidez muscular;
  • Dificuldades ao respirar fundo;
  • Queda de cabelo;
  • Feridas na mucosa oral;
  • Perda de memória;
  • Fotofobia;
  • Mal estar;
  • Vermelhidão na pele do rosto;
  • Dor no peito;

Dependendo da área do corpo afetada pelo lúpus os sintomas se modificam. Veja a seguir os sintomas das principais áreas afetadas.

  • Fenômeno de Raynaud quando afeta a pele;
  • Tosse com sangue quando afeta o pulmão;
  • Arritmia cardíaca quando afeta o coração;
  • Nauseas frequentes quando afeta o sistema digestivo;
  • Problemas de visão graves quando afeta o cérebro.

Diagnóstico e tratamentos

As especialidades médicas que devem acompanhar e tratar casos de lúpus eritematoso sistêmico são o reumatologista e o clínico geral.

Só após os exames específicos que se poderá ter certeza do diagnóstico. Esses são: hemograma completo, radiografias do tórax, exame de urina, biópsia renal, teste de anticorpos antinucleares, além do exame físico.

O tratamento do LES consiste em prover uma melhor qualidade de vida para o paciente, amenizando os sintomas. Por esse motivo o seu tratamento é feito via oral com corticóides e anti-inflamatórios.

O tratamento tópico da doença deve ser realizado com o uso de protetor o tempo todo para evitar o agravamento das lesões de pele.

Conhece alguém que sofre com o lúpus eritematoso sistêmico? Compartilhe esse post nas suas redes sociais e ajude um amigo!

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Depressão unipolar sintomas causas e principais tratamentosTranstorno do panico sintomas principais causa e tratamentos